• Bruno Ferraz

Como calcular o intervalo QT?

Atualizado: Abr 27

A medida do intervalo QT está na moda. No entanto, ela sempre foi importante e negligenciada por muitas vezes. Não é apenas a cloroquina e a azitromicina que prolongam o QT! Diversos medicamentos podem prolongá-lo!


Imagine a seguinte situação: você está de bobeira no seu plantão na cardiointensiva e, de repente, o paciente agita! Sem pestanejar, você resolve administrar o famoso Haloperidol. Minutos depois, paciente evolui para PCR! Você sabia que o Haloperidol aumenta o QT? Por isso, não só agora, nesse momento difícil que vivemos, a análise do intervalo QT é importante em todas situações onde iremos prescrever um medicamento com potencial de prolongá-lo! O objetivo desse post é explicar a importância e a medida do intervalo QT!



O que é o intervalo QT?

É o intervalo entre o início da onda Q ao final da onda T


O que o intervalo QT representa?

Representa a sístole ventricular (despolarização e repolarização ventricular)


Por que calcular o intervalo QT?:

O intervalo QT aumentado aumenta o risco de arritmias graves como a Torsades de Pointes (especialmente quando maior que 500ms). Além disso, diversas drogas prolongam o QT (antidepressivos, antibióticos, hidroxicloroquina). Também pode estar alterado nos distúrbios do cálcio.



Como calcular o intervalo QT?:

Como o intervalo QT varia com a frequência cardíaca, devemos corrigir o intervalo QT sempre. Em pacientes com frequência cardíaca normal, utilizaremos a fórmula de Bazett. Nos pacientes taquicárdicos ou bradicárdicos, usaremos a fórmula de Fridericia ou Framingham.

Qual é o valor normal do intervalo QT?

Varia bastante com a literatura. Em geral, homens até 440ms e mulheres até 460ms.



Para salvar no celular:

Post feito por:




0 visualização