• Bruno Ferraz

Quais as indicações de cirurgia no paciente reumático com insuficiência aórtica?


Sabendo-se que as doenças valvares podem ter diferentes etiologias, sendo a reumática de importante prevalência no Brasil, quais a indicações de intervenção cirúrgica em paciente assintomático com insuficiência aórtica de etiologia reumática segundo a última diretriz da Sociedade Brasileira de Cardiologia?

A) Fração de Ejeção (FE) > 50%; Diâmetro Diastólico de VE (DDVE) > 75 mm; Diâmetro Sistólico de VE (DSVE) > 55 mm

B) FE < 50%; DDVE > 70 mm; DSVE > 50 mm

C) FE > 50%; DDVE > 70 mm; DSVE > 50 mm

D) FE < 50%; DDVE > 75 mm; DSVE > 55 mm

RESPOSTA:

A Insuficiência Aórtica, patologia valvar que pode decorrer de alterações de cúspides ou anulo valvares, pode ter diversas etiologias, chamando atenção para a importância da reumática, particularmente no Brasil. Por se tratar de doença de historia natural de curso distinto das etiologias comuns em países desenvolvidos (válvula bicúspide, degenerativa, aterosclerótica...), as diretrizes brasileiras determinam pontos de corte diferentes para indicar cirurgia para os pacientes reumáticos, o que não é visto em diretrizes europeias e americanas. A letra B corresponde às indicações relativas às etiologias não reumáticas, também descritas como indicações para todas as etiologias nas diretrizes internacionais.

Lembrando que os pacientes sintomáticos têm sempre indicação cirúrgica, independente dos valores ecocardiográficos. A figura abaixo resume bem as indicações cirúrgicas de acordo com a sociedade.

A resposta é a letra D.


Comentário por:


ANNA LUIZA RENNÓ MARINHO

Título de especialista em Cardiologia - SBC

Rotina da Cardiologia Clínica - Hospital Barra D'Or

Plantonista da Unidade Coronariana - Hospital Barra D'Or


#insuficiênciaaórtica #cirurgia #reumático

271 visualizações