• Bruno Ferraz

Recomendações para tratamento de idoso com DAC estável


Paciente idoso, 82 anos, hipertenso e diabético em tratamento regular, apresentando dor torácica aos médios esforços, cintilografia recente com FEVE=62% e isquemia em parede inferior com SSS=6 e SDS=6. Ele não deseja tratamento invasivo. Qual das medicações abaixo não estaria de acordo com as recomendações da II Diretriz Brasileira de Cardiogeriatria para um paciente idoso com DAC estável?

A) Ácido acetilsalicílico 200mg/dia

B) Atenolol 100mg/dia

C) Atorvastatina 80mg/dia

D) Enalapril 20mg/dia

E) Todas drogas acima são recomendadas

RESPOSTA:

A população idosa vem crescendo mundialmente e este grupo populacional apresenta diversos fatores de risco para doença arterial coronariana (DAC) e até mesmo doença coronariana manifesta. Como se trata de um subgrupo de maior risco de complicações, existem algumas recomendações a respeito do tratamento de DAC estável em idosos.

A II Diretriz brasileira de cardiogeriatria recomenda a respeito do tratamento farmacológico em idosos com DAC estável:

- AAS para todos os doentes (dose de 75mg a 162mg)

- Clopidogrel para os intolerantes e alérgicos à AAS

- betabloqueadores para todos (com ou sem IAM prévio), exceto contraindicações

- IECA para doentes com disfunção ventricular, hipertensos ou diabéticos

- BRA para os intolerantes ao IECA

- Estatinas visando manter o LDL de acordo com o perfil de risco

- Nitrato sublingual para alívio de sintoma isquêmico

Portanto, a alternativa errada é o item A, visto que não há benefício no uso de doses mais elevadas de AAS nesses doentes.


Comentário por:


BRUNO FERRAZ DE OLIVEIRA GOMES

Médico rotina do Unidade Cardiointensiva do Hospital Barra D'Or

Ecocardiografista do Hospital Barra D'Or

Diretor Administrativo do Departamento de Doença Coronária da SOCERJ

Intensivista no Hospital Federal Cardoso Fontes

Mestrando em Engenharia Biomédica na COPPE/UFRJ

Título de especialista em cardiologia e terapia intensiva

www.drbrunoferraz.com.br

#idoso #DACestável #Cardiogeriatria

426 visualizações