• Bruno Ferraz

Preditores de choque cardiogênico


Mulher de 70 anos, HAS, admitida com IAMCSSST com dor iniciada há 8 horas. Realizada angioplastia de artéria descendente anterior com implante de stent farmacológico sem intercorrências. Sem lesões residuais em outros vasos. Admitida na unidade cardiointensiva com PA: 112x73mmHg; FC: 123 bpm; Peso: 50Kg; Crepitações bibasais, RCR 3T (B4). Todas características abaixo são preditoras de choque cardiogênico nesta paciente, exceto:

A) Peso

B) Frequência Cardíaca

C) Pressão Arterial Sistólica de admissão

D) Localização do infarto

E) Presença de B4

Resposta:

O Choque cardiogênico ocorre em 8% dos pacientes com IAM sendo a principal causa de morte nesses doentes. Apesar da mortalidade em queda com o avanço de novas terapias de reperfusão coronariana, a mortalidade permanece muito alta (quase 50% em estudos americanos). Apenas 1/3 dos doentes chegam em choque cardiogênico no hospital. Portanto, os outros 2/3 evoluem para o choque cardiogênico no ambiente hospitalar. Reconhecer os fatores de risco para essa evolução são importantes para intensificar a vigilância e tratamento (especialmente a revascularização precoce) nos doentes com maior risco. Os principais fatores de risco são: idade, pressão arterial sistólica, frequência cardíaca e a classificação Killip. Estudo publicado no JACC em 2000 buscou identificar os principais preditores de pior evolução nos doentes com choque cardiogênico usando a base de dados do estudo GUSTO. Esse estudo encontrou diversos preditores que permitiu a criação de escore de risco. As variáveis que se mostraram preditoras foram: idade, frequência cadíaca, pressão arterial sistólica e diastólica, peso, tratamento, localização do infarto, classificação Killip, IAM prévio, cirurgia de revascularização prévia, não ter realizado angioplastia previamente, sexo feminino e hipertensão.

Portanto, a opção que não se trata de um preditor de choque cardiogênico é a letra E.


Questões em Cardiologia Cursos LTDA

CNPJ: 35.622.540/0001-91

Todos direitos reservados